Fazenda Souza

Terra dos hortifrutigranjeiros

Com cerca de 5 mil moradores e área de 600 quilômetros quadrados, o distrito de Fazenda Souza foi escolhido pela Prefeitura de Caxias do Sul para ser sede, a cada dois anos, da Festa do Agricultor. realizada nos meses de julho e agosto. A razão pela escolha se fundamenta na representativa produção de fruta, legumes e verduras, o que confere ao distrito a denominação de Terra dos Hortifrutigranjeiros. A principal atividade econômica é o cultivo de frutas, que representa mais de 1,1 mil hectares da área cultivada. Na sede ainda são realizadas festas em honra a Santo Antônio e Nossa Senhora da Saúde.

 As seis comunidades que formam o distrito também têm seus eventos festivos. Um dos principais atrativos é o Instituto Leonardo Murialdo, mantido pela congregação Josefina, onde estão enterrados os restos mortais do padre João Schiavo, que está em processo de beatificação, e que também oferece hospedagem. Na região funciona um centro de pesquisas da Fepagro, órgão estadual que atende demandas da área agrícola. Fazenda Souza tem população predominantemente de origem italiana. Antes da chegada dos imigrantes, por volta de 1760, no entanto, foi usada como passagem por tropeiros, que costumavam se instalar em uma pousada. Os primeiros italianos se estabeleceram em 1880, vindos da cidade de Feltre. Inicialmente trabalharam na extração de madeira, abundante na região. Depois partiram para a criação de gado para leite e corte.

Atrativos

Camping do Claudio e Vale Verde

Centro de Pesquisas da Fepagro

Instituto Leonardo Murialdo

Igreja Nossa Senhora da Saúde

Capela sobre o túmulo do Pe. João Schiavo

Centro Social Padre João Schiavo

 

 

Voltar